Coveiro é morto por garota de programa em cemitério no PR

Corpo do trabalhador foi encontrado por funcionários da prefeitura de Ponta Grossa.

PorDiario24h

10/08/2017 09h47
Foto: Márcio Lopes

O coveiro Airton de Jesus dos Santos, de 60 anos, foi encontrado morto na casa onde morava nos fundos do Cemitério Vicentino em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. Uma garota de programa confessou a autoria do crime.

A vítima apresentava ferimentos provocados por arma branca no tórax e sinais de agressões na cabeça. O corpo de Airton foi encontrado por funcionários da prefeitura que chegavam para trabalhar por volta das 09h desta terça-feira (08).

Aos policiais, a jovem de 24 anos disse que cometeu o homicídio após o homem supostamente chamá-la para um programa. Segundo ela, Airton não tinha dinheiro, mas mesmo assim teria tentado forçá-la a ter relações com ele.

A polícia no entanto suspeita que o crime possa ter sido um latrocínio, já que uma motocicleta que pertenceria à vitima foi encontrada na casa de outro rapaz, de 22 anos. Ele foi intimado para prestar depoimento.

A jovem que confessou o assassinato foi presa em flagrante.